Jejum – Esclarecendo dúvidas

Teste do pezinho
15 de setembro de 2016

Exame de sangue tem de ser em jejum?

Não. A maioria não precisa de jejum ou então não são necessários longos períodos sem se alimentar, bastando respeitar quatro horas. No caso de crianças que mamam, a coleta é feita antes da próxima mamada. O jejum prolongado é necessário apenas para um número reduzido de exames, como, por exemplo, glicemia e triglicerídeos. Lembramos que a água não quebra o jejum, porém deve ser ingerida com moderação.

Os exames têm de ser feitos sempre de manhã?

Não. A maioria não necessita.

Qualquer exame pode ser feito à tarde?

A maioria sim, desde que obedeça, quando apropriado, a um tempo adequado de jejum. Existem, entretanto, exceções, como o Cortisol, que é realizado preferencialmente na parte da manhã.

Esforço físico atrapalha os exames laboratoriais?

Dependendo do caso, pode atrapalhar. De maneira geral, aconselha-se evitar exercícios físicos antes da realização dos exames.

Para colher material para o exame de fezes, é preciso de jejum?

Não. Também não precisa ser a primeira evacuação do dia. Isso vale para todos os tipos de exames de fezes.

No caso de urina, tem de ser a primeira da manhã?

No caso de exame comum e cultura de urina, o ideal é ficar um período mínimo de 2 horas sem urinar e pode ser colhida em qualquer horário. Para outros tipos de exames, consultar o laboratório.